google

São Paulo – Um deputado pretende retirar todo conteúdo da internet que possa ofender os congressistas.

De acordo com a apuração da Veja, Cláudio Cajado (DEM-BA) gostaria de fechar um acordo com oGoogle para acelerar o processo de eliminação de conteúdo que represente calúnia, injúria ou difamação aos colegas de congresso, sem depender de notificação judicial.

Com a parceria, os conteúdos ofensivos não devem circular nos canais de comunicação digital, como vídeos no YouTube ou textos no Blogger.

O projeto do deputado tem como objetivo evitar os problemas ocorridos nas últimas eleições. Na ocasião, conteúdos que agrediam a imagem dos candidatos eram publicados e a Justiça Eleitoral teve que ser acionada.

Não é a primeira vez que Cajado tenta remover conteúdos ofensivos da internet. Ele recorreu à Justiça para que um processo arquivado sobre corrupção eleitoral, coação de eleitor e falsidade documental fosse banido da rede. Na ocasião, o STF não aceitou o pedido de extinção das informações.

Em paralelo ao projeto de Cajado, o Supremo Tribunal Federal está assumindo a decisão de definir se as empresas que hospedam os sites são responsáveis pelo conteúdo publicado e retirá-lo quando necessário. Ainda durante a época das eleições, o diretor-geral do Google no Brasil, Fábio Coelho, foi preso pela Polícia Federal, por conta da não remoção de conteúdo que ofendia um dos candidatos a prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP).

Fonte: info.abril.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s